Mês de conscientização do lipedema: junho

YouTube video
Dr Alexandre Amato, cirurgião vascular, lembra a importância do diagnóstico precoce e tratamento do lipedema. Doença muito frequente e muitas vezes deixada em segundo plano. Confundida com obesidade e linfedema, muitas vezes é a razão para ‘celulite’, gordura localizada, dor na pernas, inchaço nas pernas e roxos nas pernas.

O Prof. Dr. Alexandre Amato é professor de cirurgia vascular da UNISA e chefe da cirurgia vascular do Instituto Amato (www.amato.com.br). Cirurgião Vascular e Varizes👨‍⚕Especialista em Lipedema, Doutor (PhD) pela USP🎓Médico Assist. Hosp. San Raffaele – Milão 2008 🇮🇹 Prof. da UNISA👨‍🔬📞11 50532222
Escreveu vários livros (http://bit.ly/3abqUOS), e está dando esse de presente para você: http://bit.ly/HistoriaCirurgia, aproveite
Siga no Facebook: http://bit.ly/2QIz35A
Instagram: http://bit.ly/dr_amato
Twitter: http://bit.ly/2scWbQ6
LInkedIn: http://bit.ly/35KxJU3
WhatsApp: (11)933183661 ou pelo link http://bit.ly/2RchoCt

Estamos à disposição na Av Brasil, 2283. Tel 11 5053-2222 ou WhatsApp 11 93318-3661. Nosso site: www.amato.com.br

–transcrição–

Olá sou Dr. Alexandre Amato cirurgião vascular do Instituto Amato e hoje vou falar sobre a campanha de conscientização do lipedema. Junho é um mês de conscientização do lipedema. Porque é necessário um mês para conscientizar sobre essa doença? Primeiro o que é uma doença pouco diagnosticada apesar de ser extremamente frequente na população 11% das mulheres sofrem de lipedema e não são diagnosticadas. Porque é muito difícil fazer a diferenciação entre obesidade e lipedema. Então todos os profissionais de saúde devem ficar cientes dessa possibilidade do diagnóstico diferencial e porque, nas fases mais avançadas do lipedema é muito fácil fazer o diagnóstico. Mas nas fases iniciais onde a aparência e a desproporção da gordura nas pernas é menor… é Mais difícil fazer o diagnóstico. Mas nessas fases se a gente atua precocemente a gente consegue evitar a evolução da doença para nas fases mais avançadas. Então nós assumimos a posição aqui de divulgar o lipedema no mês de junho. Nós fizemos vários posts e vamos continuar fazendo sob todos os aspectos o lipedema para todos os profissionais da saúde mas para toda a população também para alertar sobre essa doença não só para alertar mas para saber que existe tratamento e que tudo o que for feito precocemente vai ajudar a evitar uma piora futura. Então procure seu médico converse sobre a possibilidade de um lipedema saiba que é uma doença que existe e já foi reconhecida pela OMIM em 2011 como uma doença e essa desproporção da gordura principalmente em membros inferiores mas que pode ocorrer em membros superiores. Não é obesidade.
Óbvio que pode haver as duas doenças associadas mas lipedema é uma entidade separada e deve ser reconhecida como tal e tratada como tal. Então hastag é essa #junholipedema pode procurar nas mídias sociais que nós estamos postando vários vídeos a respeito e estou à disposição.

-~-~~-~~~-~~-~-
Veja também: “Escleroterapia com sedação Annox”
https://www.youtube.com/watch?v=-70p_4d1mi8
-~-~~-~~~-~~-~-
LEIA TAMBÉM:  Campanha de conscientização do Lipedema
Marcações: