Pular para o conteúdo

Como acabar com as varizes em 7 dias?

Acabar com as varizes

Acabar com as varizes em 7 dias, é possível? Bom, podemos dizer que, de certa forma, é possível ficar livre das varizes em uma semana, de uma maneira rápida, segura e eficiente. De antemão, deixamos claro que não se trata de nenhum procedimento milagroso, mas sim de uma combinação de técnicas estudadas e aperfeiçoadas com o passar do tempo que apresentam resultados cada dia melhores. Então, vamos saber mais sobre a possibilidade de acabar com as varizes em 7 dias?

Sumário

Neste vídeo, o Dr. Alexandre Amato, cirurgião vascular do Instituto Amato, explica como é possível se livrar das varizes em apenas 7 dias. Ele destaca que as varizes podem ser genéticas ou secundárias a outras doenças, como trombose ou fístula arteriovenosa. Atualmente, não há terapias genéticas ou medicamentos para reverter os danos nas veias varicosas, mas existem tratamentos que melhoram os sintomas.

O tratamento indicado pelo Dr. Amato para eliminar varizes em 7 dias é a combinação do laser e microcirurgia, realizada com anestesia local e sedação. O procedimento é minimamente invasivo e permite uma recuperação rápida. Os pacientes geralmente podem retomar suas atividades normais em até uma semana após o tratamento.

o olá sou o doutor alexandre amato o cirurgião vascular do instituto amato e hoje eu vou explicar como se livrar das varizes em 7 dias né fica até o final com o vídeo com a gente que você vai sair daqui sem dúvida nenhuma da melhor solução para em 7 dias e não ter mais visualizes é em primeiro lugar é importante lembrar que as varizes podem ser genéticas mais frequentemente são as varizes primárias essas varizes genéticas é carregam junto à hereditariedade né e podem ser secundárias alguma outra doença como uma trombose uma fístula arteriovenosa a questão é quando a gente está falando de genética é não a até hoje nenhuma terapia gênica capaz de mudar a genética de alguém é possível que em breve em algum momento a haja uma terapia genética eficaz mas aí bom para varizes vai ser para várias outras doenças né então alguma coisa importante é eu não tô falando aqui como mudar a genética de alguém tô falando como se livrar das varizes em sete dias é outra coisa outro aspecto importante lembrar que os danos que já ocorreram nas veias varicosas não tem volta né esse esses danos ocorrem principalmente nas válvulas né que abrem e fecham direcionando esse fluxo sanguíneo a sempre ascendente de forma a retornar ao coração e esse dano tanto na válvula quanto na parede da veia não tem volta não existe nenhuma medicação até hoje que seja capaz de tomou um remedinho e essa parede venosa volta a funcionar adequadamente não é assim que funciona os medicamentos estão aí tem vários eles melhoram os sintomas e não melhor a dor inchaço cansaço mas não vão fazer regredir essa doença venosa uma caramba se não tem é uma terapia gênica e não tem um medicamento como é que a gente vai se livrar das varizes em 7 dias espera que eu vou falar em 7 dias sem varizes outro aspecto é qual a classificação das varizes né então quando eu tô falando de insuficiência venosa a classificação vai de 1 a 6 eu tenho um vídeo muito legal sobre classificação venosa pode ver no nosso canal mas quando eu tô falando de varizes varizes tem um aspecto bem típico são veias dilatadas e tortuosas invisíveis a olho nu quando eu falo isso é eu estou pensando possivelmente na classificação 2 ou 3 das varizes é de insuficiência venosa tá então quando eu tô falando de dois ou três aline tu é uma amplitude aí de variação de da doença é me restrinjo as possibilidades terapêuticas e existe como resolver em 7 dias e aí que eu vou chegar então quando eu tô falando disso é rap 2 ou 3 existem várias técnicas de tratamento mas existem algumas onde a recuperação é muito rápida então o que a gente consegue iniciar o tratamento e já está de volta às atividades normais com uma alta probabilidade de êxito com bons resultados em menos de sete dias e de qual técnica eu tô falando o laser né a cirurgia com laser e a microcirurgia quando a gente faz essas técnicas de forma com anestesia local e sedação o paciente vem para clínica a gente faz em regime de hospital-dia começa a cirurgias 9 horas da manhã lá pelo meio-dia 1:00 já tá indo embora para casa dependendo do tamanho da cirurgia se a gente e na sexta-feira na segunda-feira já tá apta voltar às atividades mas um número mais a fácil de acomodar uma maior a população é uma semana então são sete dias que a gente faz o procedimento cirúrgico com anestesia local e sedação laser onde só vai ser necessário pequenos furinhos associado a técnica da microcirurgia também só são necessários pequenos furinhos não vai ser necessário ficar deitado o tempo todo na cama ah na recuperação é necessário repouso relativo seja tem que se movimentar em uma semana já voltou às atividades normais viu é possível fazer o tratamento das varizes em 7 dias sem precisar de nenhuma nenhum milagre nenhum tratamento milagroso e nenhuma mágica tirada da cartola nós temos a tecnologia para oferecer um tratamento seguro e rápido para varizes gostou do nosso vídeo inscreva-se no nosso canal clica também ali no no sininho compartilhe nossos vídeos na mídia social e até a próxima [Música]

e aí

O que são varizes

Antes de tudo, vamos fazer uma breve apresentação das varizes começando pela sua definição. As varizes são veias tortuosas, dilatadas e visíveis a olho nu. Esse é o aspecto visível e estético desse problema.

As varizes podem ter origem genética. São as varizes primárias, que carregam junto com elas a hereditariedade. Isso quer dizer que se alguém na sua família tiver varizes, você também é uma forte candidata a apresentá-las.

As varizes também podem ser secundárias a alguma outra doença, como a trombose e a fístula arteriovenosa. A trombose é uma doença que acontece quando um coágulo bloqueia o fluxo sanguíneo. 

E, como sabemos, as varizes são, justamente, uma alteração no sistema venoso que impede o sangue de circular livremente, promovendo a formação de coágulos. Então, esta é a relação entre as duas doenças.

Já a fístula arteriovenosa é um direcionamento irregular do sangue, quando ele passa de uma artéria para a veia, sem ultrapassar o vaso capilar. Também pode estar relacionado ao surgimento de varizes.

Varizes e genética: é possível interferir?

A princípio, não há nenhuma pesquisa ou estudo dentro da Medicina que possa modificar a genética de uma pessoa. E caso houvesse, certamente seria direcionado para influenciar em várias outras áreas da saúde e não só nas varizes.

Não sendo possível alterar a genética de um indivíduo, fica fácil compreender que também não é possível evitar que determinado problema de saúde, de causa genética, aconteça, como é o caso das varizes.

Em outras palavras, as varizes não podem ser evitadas por completo. Não há uma competência clínica que possa impedir definitivamente que as varizes surjam.

Por esta razão, os danos que já ocorreram nas veias varicosas não são revertidos, ou seja, não é possível (atualmente) recuperá-los. Esses danos ocorrem nas válvulas que abrem e fecham, direcionando o fluxo sanguíneo no sentido ascendente, de baixo para cima.

Os danos sofridos pelas válvulas ou que atingem as veias não podem ser eliminados por nenhum medicamento. É importante que o paciente saiba desta informação por duas razões:

  1. Não é possível impedir (por completo) o surgimento de varizes;
  2. Caso apresente varizes e faça o tratamento, ainda assim, elas podem voltar um dia.

Tratamento para acabar com as varizes em 7 dias

“Ah, não tem cura para as varizes, então não adianta tratá-las”. Não é assim que funciona. Temos diversos medicamentos e tratamentos que melhoram os sintomas das varizes e que garantem uma excelente qualidade de vida ao paciente, mesmo sem regredir os danos na parede venosa já sofridos. E o melhor é que o resultado já pode ser visto em 7 dias. 

Como funciona

Como vimos, o aspecto típico das varizes inclui veias dilatadas, tortuosas e visíveis a olho nu. Dentro da classificação das varizes, que vai de 1 a 6, esta aparência citada está entre o nível 2 ou 3. 

Especificamente para as varizes com esta classificação, temos várias técnicas de tratamento rápidas nas quais a pessoa volta logo às suas atividades normais, em um período inferior a uma semana.

Esse método é a combinação do uso do laser com a microcirurgia. Nesse tratamento, o paciente recebe sessões de laser e pequenos furinhos na região onde se encontram as varizes para que seja feita a eliminação delas.

O procedimento cirúrgico é realizado em ambiente hospitalar, dentro do consultório do cirurgião vascular e requer a sedação do paciente. Mas, não precisa de repouso absoluto e, logo em seguida, ele pode voltar às suas atividades normais.

O tratamento cirúrgico das varizes é uma técnica minimamente invasiva, oferece uma recuperação muito rápida. O paciente chega no consultório por volta de 9h da manhã, por exemplo, recebe uma anestesia local e sedação e, por volta do meio-dia ou 13h, ele já está em casa para iniciar a recuperação pós-operatória.

Ou seja, se ele fizer a cirurgia na sexta-feira, na segunda-feira já poderá retornar às suas atividades habituais (dependendo de critérios individuais), como trabalho, estudo, tarefas domésticas e até lazer, tomando apenas alguns cuidados que vamos listar mais adiante.

Provavelmente, você estava esperando um método milagroso, ainda mais simples do que o citado, para ficar livre de vez das varizes. Mas, sinto informar que este método não existe.

O tratamento que a Medicina disponibiliza para a remoção das varizes atualmente é sim um jeito rápido de tratar o problema, mas sem promessas impossíveis de cumprir.

Quando associamos o resultado ao período de 7 dias é porque fica mais fácil para o paciente compreender o quão rápido ele pode observar as mudanças na sua pele e no seu bem-estar sem a presença das varizes. 

O tratamento não precisa ser prolongado e nem tomar vários dias da vida do indivíduo. E, com a ajuda de recursos tecnológicos modernos e eficientes, testados e aperfeiçoados, em pouco tempo ele terá resultados excelentes.

Nós mesmos já publicamos pesquisa científica em revista internacional mostrando a eficácia do tratamento das varizes com laser.

Cuidados após a cirurgia de varizes

Vimos que as varizes têm tratamento e é possível acabar com elas em 7 dias. Entretanto, é imprescindível que o paciente tome medidas importantes no pós-operatório para garantir uma recuperação mais rápida e também possa obter melhores resultados.

  • Fique de repouso nas primeiras 24 horas e mantenha as pernas elevadas na posição de Trendelemburg. Mas, não precisa ser um repouso absoluto. Pode levantar de vez em quando para se alimentar, ir ao banheiro, tomar água, etc;
  • No dia seguinte à cirurgia, já é permitido tomar banho, mas evite esfregar o local afetado;
  • 7 dias depois já é possível fazer atividade física, mas com moderação;
  • Evite pegar sol nos primeiros 30 dias após o procedimento. E, depois desse período, não se esqueça de usar protetor solar com alto fator de proteção;
  • Evite depilação com cera ou com lâmina nos próximos 30 dias ou enquanto estiver com lesões;
  • O inchaço e o hematoma são normais, se tornam maiores com o passar dos dias, mas logo cessam. Então, não se preocupe com isso;
  • Use meias elásticas para melhorar a circulação das pernas conforme orientação do cirurgião vascular.

Como você viu, é possível acabar com as varizes em 7 dias, mas não com uma fórmula instantânea e mágica. Temos uma maneira bem melhor, mais segura, reconhecida pelo meio científico e eficaz que é o tratamento cirúrgico, com pós-operatório que permite o retorno rápido à rotina diária de atividades. Fale com seu cirurgião vascular e conheça este e outros tratamentos para as suas varizes.

Prof. Dr. Alexandre Amato

Neste vídeo, o Dr. Alexandre Amato aborda as orientações pós-operatórias para a microcirurgia de varizes, um procedimento minimamente invasivo realizado com anestesia local e sedação. Ele destaca que é importante seguir as orientações do médico responsável pelo tratamento.

Após a cirurgia, os pacientes devem usar uma meia elástica por uma semana, colocando-a de manhã e retirando à noite. É essencial se movimentar e caminhar para evitar riscos de trombose. As atividades diárias podem ser realizadas normalmente, mas atividades mais pesadas, como academia, devem ser evitadas na primeira semana.

Hematomas podem ocorrer, e nesses casos, compressas mornas e o uso de cremes prescritos são recomendados. O paciente deve retornar para consulta após uma semana e, se necessário, após um mês para avaliar a necessidade de tratamento complementar estético, como laser ou escleroterapia.

Olá Sou Doutor Alexandre Amato, e hoje vou falar sobre as orientações pós operatórias para a micro cirurgia de varizes: quando não há o acometimento da safena, de veias perfurantes, quando não houve a necessidade de fazer a termoablação (laser ou radiofrequência) de veias maiores. As microcirurgias de varizes são um procedimento bem menor. Essas orientações que eu vou passar são para os meus pacientes então, se você não for meu paciente siga as orientações do seu médico, então a cirurgia de varizes é um procedimento pequeno realizado com anestesia local e sedação. Com pequenos furinhos nós retiramos essas veias e é colocado uma meia elástica. Essa meia elástica vai ficar até o dia seguinte. E aí pode trocar por uma outra meia elástica, não cirúrgica uma meia indicada já no dia da cirurgia e essa meia vai colocar de manhã e tirar a noite por uma semana. Quanto a movimentação: não deve ficar deitada parada. Isso é risco de trombose. Não tem porquê! A cirurgia já é feita com anestesia local e sedação exatamente para que, assim que termine a cirurgia, já esteja movimentando as pernas e volte a deambular (caminhar) o mais rápido possível pra diminuir todos os riscos na micro cirurgia de varizes. A gente passa a medicação para dor, mas mais da metade das pacientes não precisam nem utilizar a medicação porque não sentem dor. Deve-se movimentar deve-se fazer caminhada deve fazer as atividades diárias normalmente. Não deve retornar na academia e fazer atividades mais pesadas nessa primeira semana. Depois, sem problema nenhum. Então, feito uso da meia elástica por uma semana, movimentando-se adequadamente, você vai ter um pós operatório tranquilo. Se houver hematomas que nem sempre ocorrem, pode ser feito compressa morna no local e passar o creme que foi prescrito no pós operatório e retornar em consulta em uma semana para avaliação. Pode ser que tenha pequenos vasinhos que não tenham saído no procedimento. Essas teleangiectasias que precisam de aplicação e esses vasinhos teriam o tratamento após um mês da cirurgia. Quando não tem mais hematoma. E aí a gente pode fazer o laser, pode fazer a aplicação/ escleroterapia. Então, normalmente eu solicito o retorno em uma semana para avaliar como está sendo o pós operatório e liberar para todas as atividades. Embora já vai estar se sentindo muito melhor antes dessa dessa primeira semana e se houver necessidade de uma liberação mais cedo a gente pode avaliar o caso. E um retorno em um mês para a gente avaliar se há necessidade de tratamento complementar estético. Então gostou do nosso vídeo? Curta! compartilhe! assine nosso canal. Clica no Sininho e até a próxima.

Qual sua nota para este artigo?

0 / 5

Your page rank:

>
error: Alerta: Gostou do nosso conteúdo? Assine nosso canal!!