0% de Infecção hospitalar

Nossa taxa de 0% de infecção hospitalar nos últimos 5 anos é uma das nossas principais razões para comemorar, e também uma das principais razões para os pacientes optarem por nossa estrutura ao decidir fazer um tratamento cirúrgico.

No Brasil, estima-se que a taxa de infecções hospitalares atinja 14% das internações, de acordo com o Ministério da Saúde. O simples ato dos profissionais de saúde lavarem as mãos é fundamental para evitar essas infecções.

Dicas de Saúde para você e sua família 

Assine abaixo para receber mensalmente dicas gratuitas de saúde.

Dicas de Saúde para você e sua família 

Assine abaixo para receber mensalmente dicas gratuitas de saúde.

Nosso centro cirúrgico se orgulha de manter, há 5 anos, taxa de infecção de 0%.

As infecções são provocadas por micro-organismos que se aproveitam de fragilidades no sistema imunológico de quem está em tratamento hospitalar. Entre os tipos mais comuns estão as infecções urinária e na corrente sanguínea associadas ao uso de cateter e a pneumonia associada à ventilação mecânica, segundo o Ministério da Saúde.

Nosso centro cirúrgico tem
de infecção hospitalar

Um estudo da Organização Mundial de Saúde demonstrou que a maior prevalência ocorre em unidades de terapia intensiva, em enfermarias cirúrgicas e alas de ortopedia.

As ações de controle de infecção hospitalar em escala nacional são coordenadas pela Anvisa. Os hospitais, tanto da rede pública quanto privada, precisam notificar a agência sobre os casos e estados e municípios desenvolver ações de prevenção e controle. A agência é responsável pelo Programa Nacional de Prevenção e Controle de Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde.

Em Hospitais gerais privados de ponta essa taxa de infecção hospitalar fica em torno de 3 a 5%, pois não é possível separar os pacientes com infecção dos pacientes não infectados.

LEIA TAMBÉM:  Projetos Sociais
LEIA TAMBÉM:  Acreditado como informação de qualidade pela HON Code

Não há um segredo de como é possível chegar à taxa de zero de infecção hospitalar. Isso é possível apenas por causa da forma como um hospital dia de verdade funciona:

  • Seleção de pacientes aptos criteriosa.
    • Não são realizadas cirurgias em pacientes infectados sobrepostas à outras cirurgias
  • Menor movimentação de funcionários e pacientes
  • Equipes pequenas, ágeis e entrosadas

Bibliografia

Agencia Brasil

ANVISA